Noticias

Deputado multado por excesso de velocidade contesta multa e pede selagem do radar

O deputado argumenta que o “carro não marcava a velocidade indicada pela GNR”, o que o levou a pedir a “selagem do cinemómetro”.
O deputado social-democrata Mário Simões foi multado por excesso de velocidade, por conduzir a quase 130 km/hora numa zona de 90 do IP2, e está a contestar a multa, noticia esta quinta-feira o Jornal de Notícias. O deputado pediu mesmo a selagem do cinemómetro, o radar, argumentado que o seu carro indicava outra velocidade.
Mário Simões, eleito por Beja, teve de pagar 120 euros no local. Ao JN, o deputado explicou que o “carro não marcava a velocidade indicada pela GNR”, o que o levou a pedir a “selagem do cinemómetro” e a dispor-se a pagar “a peritagem no Instituto de Qualidade”. Mário Simões justificou ter fotografado o radar com o telemóvel para “justificar a impugnação” da coima.
Segundo o JN, o deputado terá sido advertido pelos agentes para não fotografar o radar nem o carro da GNR.

Segue-nos no Facebook!

8